Selinho

Selinho

8 de setembro de 2012

Intuição


Estava pensando o quanto as emoções interferem na minha vida e nos meus atos cotidianos.
Então cheguei a seguinte conclusão, preciso tentar e me esforçar para agir assim:

  • Seguindo o meu coração algumas vezes...
  • Seguindo a minha razão na maioria das vezes...
  • Seguir a minha intuição, sempre!

Toda vez que eu desprezo aquela vozinha interior sábia, mas para mim ainda pouco confiável eu me arrependo!
A intuição é a soma do meu coração com a minha razão, é quase como se um anjo estivesse soprando no meu ouvido...
A partir de agora vou tentar segui-la, vamos ver no que dá!

PS:
Estou muito bem o pós-operatório está seguindo a normalidade, em breve retornarei as minhas atividades cotidianas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário