Selinho

Selinho

21 de junho de 2010

Halo

Uma homenagem ao meu marido verdadeiro anjo da guarda, enviado para me ajudar!!!

Luz do Amor

Lembra-se daquelas paredes que eu ergui?
Bem, baby, elas desmoronaram
E elas nem resistiram à queda,
E a queda nem sequer foi barulhenta

ainda não encontrei uma maneira de te deixar entrar
Mas eu realmente nunca tive dúvida
Quando em frente da luz da sua Aureóla
Eu tenho o meu anjo agora.

É como se eu tivesse sido despertado,
Tantas regras eu tive que quebrar
É grande o risco que estou correndo
Eu nunca vou te deixar de lado.

Em Todo lugar que estou olhando agora
Você me cerca com o seu abraço
Baby, eu posso ver a seu rosto
Você sabe que é a minha graça salvadora,

Você é tudo que eu mais precisava,
Isso está escrito em todo o teu rosto
Baby, eu posso sentir a sua Aureóla,
Eu não quero que ela não desapareça.

Eu posso ver a sua Aureóla Aureóla Aureóla
Eu posso ver a sua Aureóla Aureóla Aureóla
Eu posso sentir a sua Aureóla Aureóla Aureóla
Eu posso ver a sua Aureóla Aureóla Aureóla

Me atingiu como um raio de sol,
A queimar através da minha escura noite
Você é o que eu desejo.
acho que estou viciando em te amar


Nenhum comentário:

Postar um comentário