Selinho

Selinho

12 de abril de 2010

DIÁRIO DE UMA METAMORFOSE - O INÍCIO



Olá amigos!
Fiquei esperando o momento adequado para partilhar com vocês um novo desafio que terei que enfrentar, pensei no momento certo, nas palavras certas e nada de mais significativo me vinha à mente. Até porque a minha mente inicialmente ficou muito preocupada.
Daí me lembrei das borboletas e do processo de metamorfose que elas passam e são quatro fases bem distintas que acho que podem ser aplicadas também à transformação que a minha vida vai passar:
1. Fase do susto: Há semanas atrás descobri um nódulo no seio, fiz alguns exames e na quarta-feira dia 7 de Abril veio a confirmação que era câncer de mama. Um pouco de revolta me veio; o que é humano, mas passou em seguida e decidi que precisava descobrir o que irei aprender com essa nova experiência que está se apresentando na minha vida.
2. Fase prática: Bom, pensei... Já que é isso, vou encarar de frente, marquei médico, fiz exames de vários tipos (ainda estou fazendo) e decidi que vencerei a doença de cabeça erguida (preciso que me lembrem disso, quando inevitavelmente eu me abater), para isso preciso da ajuda de todos que me rodeiam, da energia das orações e do carinho daqueles que por ironia são nossos amigos "do peito".
3. Fase do casulo: Ficarei afastada por algum tempo e preciso que continuem me vendo a presença de vocês será o meu remédio.
4. Retorno: Voltarei novinha em folha e como terei que retirar todo o seio esquerdo, voltarei "turbinada", com um par de seios novos. rsrsrs É a fase de se reinventar, se rever, se perceber diferente e mudar para que não volte a doença.
Minha cirurgia será dia 20 de abril no hospital Santa Rita, conto com as orações de vocês.

Terminada a metamorfose terei vivido, chorado, gargalhado e vivenciado coisas das quais jamais pensei que pudesse experimentar e enfrentar.
Rezem por mim, seja qual o nome do Deus que vocês invocam, eu agradeço de coração!!!
Com carinho Lu

Nenhum comentário:

Postar um comentário